Desde 2014, mais de 57000 artigos.
,/2021

Saúde informa mais 18 mortes e Marília passa de 500 óbitos

Cidade
03 de maio de 2021

Boletim de Marília nesta segunda-feira (Foto: Divulgação)

Boletim epidemiológico da Prefeitura de Marília informou novo recorde de mortes por Covid-19 nesta segunda-feira (3). Mais 18 vidas perdidas foram relatadas pelo poder público municipal. Desde o começo da pandemia são 501 óbitos pela doença na cidade. Outros dois seguem sob investigação.

Desde sexta-feira (30) não era divulgado novo boletim. O represamento de informações foi fator relevante para o alto número divulgado hoje pela manhã.

Foram confirmados também mais 335 testes positivos da infecção. Marília contabiliza 22.106 casos confirmados.

Do total, 21.076 são considerados curados e 529 estão em fase de transmissão do vírus.

No momento, são 175 moradores internados com sintomas da Covid-19, sendo 100 já positivados e 75 considerados suspeitos.

Ao todo, são aguardados 3.115 resultados de exames e já foram descartadas 56.098 notificações.

VÍTIMAS

A primeira vítima é uma mulher, de 55 anos, portadora de cardiovascular crônica, diabetes mellitus e obesidade, conforme notificação hospitalar. Ela iniciou sintomas no dia 21 de abril e foi a óbito na última sexta-feira (30).

A segunda vítima é um homem, de 76 anos, portador de doença cardiovascular crônica, de acordo com notificação do hospital. Ele teve início de sintomas no dia 31 de março e se encontrava internado na Santa Casa de Osvaldo Cruz, onde foi a óbito. O boletim não informou a data da morte.

A terceira vítima é uma mulher, de 68 anos, portadora de doença cardiovascular crônica, segundo notificação hospitalar. Ela teve início no dia 6 de abril e estava internada na Santa Casa de Osvaldo Cruz, onde foi a óbito. O boletim não informou a data da morte.

A quarta vítima é uma mulher, de 49 anos, portadora de doença cardiovascular crônica, conforme notificação do hospital. Ela iniciou sintomas no último dia 25 de março e estava internada no Hospital São Lucas da cidade de Lins, onde foi a óbito. O boletim não informou a data da morte.

A quinta vítima é um homem, de 65 anos, portador de doença cardiovascular e doença renal crônica, de acordo com notificação hospitalar. Ele começou a ter sintomas no dia 20 de abril e foi a óbito na sexta-feira (30).

A sexta vítima é uma mulher, de 55 anos, portadora de doença cardiovascular crônica, doença renal crônica e diabetes mellitus, segundo notificação do hospital. Ela teve início de sintomas no dia 1 de abril e foi a óbito no domingo (2).

A sétima vítima é um homem, de 55 anos, sem comorbidades conforme notificação hospitalar. Ele iniciou sintomas no dia 7 de abril e foi a óbito no domingo.

A oitava vítima é uma mulher, de 40 anos, portadora de doença cardiovascular crônica e puérpera, segundo notificação do hospital. Ela começou a ter sintomas no dia 28 de março e foi a óbito ontem.

A nona vítima é uma mulher, de 64 anos, portadora de doença cardiovascular crônica, diabetes mellitus e obesidade, conforme notificação hospitalar. Ela teve início de sintomas no dia 27 de março e foi a óbito no último sábado (1).

A décima vítima é um homem, de 41 anos, sem comorbidades de acordo com notificação do hospital. Ele iniciou sintomas no dia 5 de abril e foi a óbito no último sábado.

A 11ª vítima é uma mulher, de 77 anos, sem comorbidades segundo notificação hospitalar. Ela começou a ter sintomas no dia 16 de abril e foi a óbito na última sexta-feira.

A 12ª vítima é uma mulher, de 87 anos, portadora de doença cardiovascular crônica e diabetes mellitus, conforme notificação do hospital. Ela teve início de sintomas no dia 18 de abril e foi a óbito na sexta-feira.

A 13ª vítima é uma mulher, de 67 anos, portadora de hipertensão arterial crônica, de acordo com notificação hospitalar. Ela iniciou sintomas no dia 20 de abril e foi a óbito no domingo.

A 14ª vítima é uma mulher, de 70 anos, portadora de asma e diabetes mellitus, segundo notificação do hospital. Ela começou a ter sintomas no dia 8 de abril e foi a óbito no domingo.

A 15ª vítima é uma mulher, de 68 anos, portadora de obesidade, conforme notificação hospitalar. Ela teve início de sintomas no dia 8 de abril e foi a óbito no último sábado.

A 16ª vítima é um homem, de 68 anos, portador de doença cardiovascular crônica e diabetes mellitus, de acordo com notificação do hospital. Ele começou a ter sintomas no dia 16 de abril e foi a óbito no último sábado.

A 17ª vítima é um homem, de 70 anos, portador de doença cardiovascular crônica, segundo notificação hospitalar. Ele teve início de sintomas no dia 18 de março e foi a óbito no domingo.

A 18ª vítima é uma mulher, de 36 anos, portadora de doença cardiovascular crônica, diabetes mellitus e asma, conforme notificação do hospital. Ela iniciou sintomas no dia 29 de março e foi a óbito no domingo.