Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Prefeitura de Marília conclui Plano de Arborização Urbana

Cidade
18 de maio de 2022

(Arte: Divulgação)

A Prefeitura de Marília concluiu o Plano de Arborização Urbana do município, o qual será encaminhado ao Poder Legislativo para análise e aprovação.

O objetivo do plano é definir padrões para o plantio de árvores em área urbana, como calçadas, praças e demais áreas públicas, aumentando a cobertura vegetal do município, melhorando a qualidade ambiental sem danificar a infraestrutura básica existente, como fios, encanamentos, iluminação pública, dentre outros itens.

Cassiano Rodrigues Leite, chefe do Meio Ambiente e Gestor Ambiental do Município, lembra que o levantamento das espécies existentes na cidade foi iniciado em 2019.

“Considerando o porte e seus benefícios ambientais. Este trabalho nos permitiu concluir o inventário da nossa arborização urbana. Agora, com estes dados em mãos, conseguimos identificar as espécies mais compatíveis, que se adaptam ao nosso meio urbano, respeitando suas características. Através de um plantio adequado conseguiremos reduzir o número de podas, que prejudicam o desenvolvimento das árvores, além de evitar danos à infraestrutura urbana, como fiações, redes de água, esgoto e iluminação pública, por exemplo”, afirma o gestor ambiental.

(Arte: Divulgação)

Segundo a bióloga Gabriela Guttier Gava, este é um trabalho inédito que refletirá ao longo de muitos anos.

“A pedido do secretário Vanderlei Dolce iniciamos os estudos técnicos para elaboração deste Plano de Arborização Urbana, tendo o cuidado de considerar as características regionais, mas levando em conta a peculiaridade de cada bairro de Marília. Temos bairros mais antigos, com ruas estreitas, que necessitarão de cuidados específicos, assim como pensamos nos novos loteamentos, que deverão cumprir o artigo 225 da Constituição Federal, colaborando com os cuidados ambientais”, diz.

Embora o trabalho esteja no início, a expectativa é que traga benefícios tanto a atual quanto às futuras gerações “nas mesmas proporções do Projeto Nascentes, Coleta Seletiva, Minha Cidade é Verde, tratamento do esgoto e demais ações ambientais que estamos desenvolvendo em Marília. Queremos deixar um legado ambiental que destacará nossa cidade entre as mais sustentáveis do Estado de São Paulo, melhorando consideravelmente a qualidade de vida da nossa população”, conclui a bióloga.