Desde 2014, mais de 39000 artigos.
,/2019

Marília tem série de ações no “Setembro Amarelo”

Cidade
20 de setembro de 2019

Mobilização visa chamar a atenção para a importância da valorização da vida: “é preciso falar”! (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, dá sequência à série de ações da campanha “Setembro Amarelo: Todos pela Valorização da Vida”. O objetivo é alertar a população para a importância do diálogo, do acolhimento e dos sinais de alerta para o suicídio. UBS Planalto – Unidade Básica de Saúde – também divulgou a programação.

Equipe da unidade localizada na zona sul trabalha a temática com enfermeiras, ACSs (Agentes Comunitários de Saúde), ACEs (Agentes de Controle de Endemias) e demais servidores em Rodas de Conversa sobre mitos e cenário atual.

Um dos mitos, inclusive, diz que Marília seria líder em estatística estadual de suicídios. A origem é um fake news divulgado desde 2017, que usa dados de toda a região em 2013/2014, para atribuir à cidade indicador desfavorável, desconstruindo políticas públicas.

O estudo, na verdade, apontou que a Região Administrativa de Marília foi (naquela época) a segunda no ranking do Interior – atrás da RA Central (sede em São Carlos) – em número de ocorrências. Nos anos subsequentes, a região mariliense caiu várias posições.

Independente de indicadores, sempre preocupantes em todo o país, a Prefeitura de Marília fortaleceu a Saúde Mental nos últimos anos, esforço do qual participam os Caps (Centro de Atenção Psicossocial) Catavento e Com-Viver, rede básica, Nasf – Núcleo de Apoio a Saúde da Família, entre outros, incidindo serviços estaduais e o terceiro setor.

Por isso, o mês segue com reuniões com usuários, palestras, decoração nos espaços públicos, exibição de filmes e debates.

PROGRAMAÇÃO

(Foto: Divulgação)

Nesta sexta-feira, dia 20, na UBS Planalto, acontece às 9h uma Roda de Conversa: Valorização da Vida e Prevenção ao Suicídio”, para profissionais de saúde, educação e usuários da unidade.

Na segunda (23), às 13h, e na terça-feira (24), às 8h, tem Roda de Conversa: Auto estima como essência para enfrentamento de desafios, para estudantes da Escola Padre João Walfredo.

O tema também será pauta em rádio comunitária da zona sul, destacando para os ouvintes “a valorização do diálogo para o enfrentamento da situação”, além de Roda de Conversa na ONG “Alimento sim fome não”.

OUTRAS ATIVIDADES:

20/09

09h: USF Aeroporto – Feira de Promoção a Vida para a Comunidade

23/09

09h: USF Dirceu – Roda de Conversa sobre Suicídio com a Comunidade / A Dança como prática de promoção e prevenção da saúde mental

24/09

07h: USF Jardim América – Sala de espera: Falando sobre suicídio

24/09

13h40: USF Vila Nova – Papoterapia

25/09

14h30: USF Palmital – Falando sobre as Emoções / A Dança como prática de promoção e prevenção da saúde mental

26/09

7h: USF Jardim América – Sala de Espera sobre mitos e verdades sobre o suicídio

27/09

9h: USF Altaneira – Roda de Conversa sobre Suicídio com a Comunidade

10/09

08h30: Jardim Damasco – juntamente com o grupo de fisioterapia

11/09

15h: Jóquei Clube: juntamente com o grupo de artesanato

13/09

09h: Jardim Marajó – Rodas de conversa sobre Valorização da Vida e reconhecimento de sinais de comportamentos de autoextermínio

26/09

09h30: Santa Augusta

26/09

20h: Igreja Manancial (Jardim Santa Paula)

29/09

09h: Capela Santa Teresinha (Jardim Marajó)