Desde 2014, mais de 36000 artigos.
,/2019

Marília tem onda de furtos, em cinco meses foram mais de 900

Polícia
11 de julho de 2019

Os furtos continuam assustando a população de Marília. Nas últimas 24 horas três casos de furto em residência, em diferentes regiões da cidade, foram relatados na Central de Polícia Judiciária (CPJ).

O primeiro caso é de uma recepcionista, de 21 anos, moradora do Jardim Califórnia, na zona Oeste de Marília. Segundo o Boletim de Ocorrência registrado nesta quarta-feira (10), a vítima saiu com o marido por volta de 8h30 para trabalhar.

O esposo voltou para casa logo em seguida e percebeu que haviam subtraído um notebook que estava na sala. Não houve arrombamento do local.

De acordo com o relato, é possível que o ladrão tenha tido acesso a casa pela janela, pois o trinco é frágil. O imóvel não tem circuito de segurança.

O segundo caso foi em uma residência no Fragata, no Centro da cidade. Conforme relato da vítima, um homem de 51 anos, teriam entrado em sua casa e furtado uma máquina de pintura e massa corrida.

O homem disse que a casa estava toda revirada. O BO foi registrado na noite de terça, mas o furto ocorreu durante  o dia.

O terceiro furto foi em um imóvel no Conjunto Residencial Alcir Raineri, na zona Norte. Segundo a vítima, uma autônoma de 35 anos, o furto teria ocorrido no dia 22 de junho, porém o BO só foi registrado nesta terça na CPJ.

A autônoma contou que saiu de sua residência por volta de 14h, junto com o marido e ambos retornaram perto de 20h30.

Quando chegaram perceberam que a janela da cozinha estava arrombada e que haviam sido subtraídos roupas infantis no valor de R$ 400, aproximadamente R$ 500 em semi-joias de uso pessoal, um estojo de semi-joias avaliado em R$ 5 mil para venda, um televisor e uma sacola com roupas de cama, mesa e banho no valor de R$ 400.

Todos os casos serão investigados pela Polícia Civil.  De acordo com os dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de janeiro a maio deste ano, a cidade já registrou 902 furtos.