Desde 2014, mais de 33000 artigos.
,/2019

Marília registra oitavo caso de suicídio somente em 2019

Polícia
09 de março de 2019

O marceneiro Luís Valdeci de Oliveira, de 54 anos, foi encontrado enforcado no fim da tarde desta sexta-feira (8) em uma residência localizada no bairro São Miguel, zona Norte de Marília.

Segundo o Boletim de Ocorrência, os policias militares foram acionados para atender um caso de suicídio consumado em um imóvel na rua Doutor Gelas por volta das 18h30.

No local, a equipe policial recebeu informações de uma testemunha que ouviu gritos de socorro de uma vizinha, onde a vítima residia. Ela encontrou o marceneiro pendurado por uma corda enrolada em seu pescoço.

Diante dos fatos, a testemunha cortou a corda, mas Luís de Oliveira já estava sem vida. Quando os policiais chegaram à residência, a vítima estava deitada no chão e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) havia constatado o óbito.

Um familiar da vítima alegou que o marceneiro estava em depressão, fazendo uso de medicação controlada. O caso foi registrado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Marília.

Foi o oitavo caso oficial de suicídio consumado registrado somente em 2019. O número representa cerca de 45% do total de casos ocorridos no ano passado, quando 18 suicídios foram notificados.

Grupo de ajuda

Marília conta com o Grupo de Prevenção ao Suicídio de Marília, que oferece palestras, rodas de conversas e atendimento psicológico social.

O projeto de Acolhimento aos Sobreviventes Enlutados por Suicídio trabalha em grupo com os familiares e amigos que perderam pessoas queridas por suicídio, que funciona toda terceira quinta-feira do mês na Faculdade Sul Americana, localizada na rua 4 de abril, 51.

Para outras informações dos projetos, basta entrar em contato pelo (14) 9-9789-0927.

Viver vale a pena

Vale lembrar que o  Centro de Valorização da Vida (CVV) realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email, chat e Skype 24 horas todos os dias.

O contato pode ser feito pelo telefone 188 ou pelos outros canais disponíveis no site, que pode ser acessado [aqui].