Desde 2014, mais de 29000 artigos.
,/2018

Contrato emergencial do lixo custará R$ 80 mil por mês

Cidade
06 de fevereiro de 2017
????????????????????????????????????

Daniel Alonso com caminhão de lixo quebrado. (Foto: Leonardo Moreno/Arquivo)

O contrato emergencial que coloca mais quatro caminhões de lixo nas ruas de Marília custará mais R$ 80 mil por mês aos cofres do município.

A Secretaria de Meio Ambiente e Limpeza Pública informou ao Marília Notícia que o contrato será realizado com a empresa Monte Azul, que já realiza diversos serviços terceirizados na cidade.

O aluguel de cada caminhão tem o valor de R$20 mil reais ao mês. “O contrato tem a validade de até 180 dias para 4 caminhões. A previsão para normalizar a coleta de lixo na cidade é até quarta-feira (8)”, prometeu a Prefeitura em nota.

A reportagem do MN recebeu durante a semana diversos relatos de lixo acumulado em todas as regiões da cidade.

De acordo com o prefeito Daniel Alonso (PSDB), uma licitação também está sendo preparada para a compra de até quatro outros caminhões pelo município com recursos do fundo do transporte público liberado para uso pela Câmara em audiência extraordinária.

Nos primeiros dias de governo uma força tarefa parecia normalizar a caótica situação do lixo no município, herdada da última gestão. Nas últimas semanas, porém, as queixas por toda a cidade voltaram.

Segundo Alonso, dez caminhões da administração municipal estão quebrados no momento

O MN questionou a Prefeitura sobre detalhes das outras empresas que participaram do certame via carta convite, como por exemplo de onde elas são, quais os nomes e os valores que ela ofertaram, porém, nada disso foi respondido.