Desde 2014, mais de 42000 artigos.
,/2020

PM aposentado é encontrado morto com mãos amarradas e amordaçado

Regional
05 de dezembro de 2019

Fabiano estava amarrado e amordaçado (Foto: Arquivo Pessoal)

O policial militar ambiental aposentado Fabiano Tavares, de 66 anos, foi encontrado morto nesta quarta-feira (4) em um sítio na zona rural de Garça (distante 35 quilômetros de Marília).

De acordo com o Boletim de Ocorrência, por volta de 10h a Polícia Militar recebeu a informação de que um cadáver havia sido encontrado em um sítio.

Diante disso, a polícia foi até o endereço e ao chegar no local estavam o filho da vítima e a testemunha que havia encontrado a vítima.

O aposentado morava sozinho e estava desaparecido. Havia inclusive um Boletim de Ocorrência registrado sobre seu desaparecimento desde o dia 29 de novembro.

A testemunha que encontrou o corpo relatou que saiu do sítio, onde reside, e atravessou a área de mato para ir até o sítio vizinho.

Quando estava retornando para sua residência, observou alguns urubus e se aproximou encontrando o corpo enrolado em um pano. A testemunha acionou a PM.

O corpo de Fabiano estava aproximadamente 100 metros da casa dele, enrolado em uma capa de colchão, em área de difícil acesso. Ele já estava em avançado estado de decomposição.

O PM aposentado estava vestindo apenas cueca e uma camiseta e o corpo foi encontrado de barriga para cima. Fabiano estava com as mãos amarradas para trás e na cabeça havia sacolas plásticas. Ele estava amordaçado e com um ferimento na cabeça que seria um provável tiro.

O filho de Fabiano reconheceu o corpo. A perícia esteve no local e a vítima foi encaminhada para o Instituto Médico Legal (IML).

A Polícia Civil investiga o caso. Fabiano seria enterrado na manhã desta quinta-feira (5) no Cemitério da Saudade em Marília.