Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Secretário de Assis é alvo de investigação em CPI

Regional
08 de junho de 2022

Fábio Nossack é investigado na CPI (Foto: Divulgação)

A Câmara de Assis (distante 75 quilômetros de Marília) instaurou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar supostas irregularidades que teriam sido praticadas pelo secretário municipal de Planejamento, Obras e Serviços, Fábio Nossack, envolvendo empresa contratada para gerir o aterro de materiais inertes da cidade.

A denúncia recebida pela Casa de Leis aponta que o endereço do secretário é o mesmo em que está registrada a empresa que foi contratada – sem licitação – para o descarte de resíduos da construção civil.

Um vídeo gravado em frente ao imóvel indicado mostra um homem identificado como Adevar Campana. Nas imagens é possível ver quando ele questiona o secretário sobre o fato de o endereço dele e da contratada – MEI Sebastião Zuque – ser o mesmo. De dentro do imóvel, o acusado respondeu com xingamento.

No Legislativo, a CPI vai ser presidida por Gerson Alves (PTB) e vai ter como relator Vinicius Simili (PDT). Os parlamentares Fabinho Alerta Verbal (PSD), Fernando Vieira (PSDB) e Carlinhos Zé Gotinha (Republicanos) também vão integrar a comissão.

O Marília Notícia tentou contato com Nossack, mas até o momento não houve retorno. O MN também tentou localizar a empresa, mas não teve sucesso. O espaço segue aberto para manifestações.