Desde 2014, mais de 38000 artigos.
,/2019

Prefeitura investiga servidor acusado de xingar chefe

Cidade
12 de junho de 2019

A Prefeitura de Marília instaurou um processo administrativo contra um agente municipal de Vigilância Patrimonial, acusado de mandar mensagens ofensivas para seu chefe. O Processo Administrativo Disciplinar foi publicado nesta quarta-feira (12) no Diário Oficial do Município.

Segundo a publicação, o agente municipal, que atua na Secretaria da Administração, em mensagem via “WhatsApp” enviou ao seu chefe palavras ofensivas, desrespeitando e ameaçando o mesmo.

A suposta motivação do caso foram férias que já haviam sido autorizadas e combinadas com o servidor em questão no dia 6 de maio deste ano, logo após o fim dos serviços de vigilância patrimonial prestados pela Prefeitura no Tiro de Guerra e assumido pelos atiradores.

A denúncia deverá ser investigada pela Prefeitura, via Comissão Processante Disciplinar Permanente. Caso seja confirmada alguma infração, o servidor poderá ser penalizado. O Marília Notícia acompanha o caso.