Desde 2014, mais de 38000 artigos.
,/2019

Prefeito vistoria três escolas que serão inauguradas em julho

Cidade
12 de junho de 2019

Todas as unidades já receberam os móveis, materiais e os novos servidores. (Foto: Mauro Abreu)

O prefeito Daniel Alonso visitou esta semana as instalações das três novas escolas municipais que a Prefeitura de Marília vai inaugurar no próximo mês. As Emeis (Escolas Municipais de Educação Infantil) Clara Luz (Maracá/Montana), Flauta Mágica e Sítio do Pica Pau Amarelo já estão prontas e com mais de 300 novos alunos sendo inseridos nas unidades.

Todas as unidades já receberam os móveis, materiais e os novos servidores. “Estivemos visitando essas unidades para comprovar a qualidade do atendimento e as condições dos prédios. Como nas outras unidades que já estão funcionando, estas também estão aptas a receber as nossas crianças”, disse Daniel Alonso, prefeito de Marília.

As três escolas atenderão os alunos nos períodos parcial e integral. “Nossa rede trabalha com a inserção parcial dos alunos para que eles possam se adaptar ao local e aos cuidadores que ficarão responsáveis por eles”, disse o secretário municipal da Educação, Prof. Helter Rogério Bochi.

(Foto: Mauro Abreu)

ATENDIMENTOS

A Emei Clara Luz (Maracá/Montana) vai atender alunos do Nível 3 (de um ano e três meses de idade a um ano e dez meses), Maternal 1 (dois anos de idade) e Maternal 2 (três anos de idade).

A Emei Sítio do Pica Pau Amarelo, que teve o prédio ampliado e remodelado pela gestão Daniel Alonso, vai ampliar o atendimento recebendo crianças do Nível 3 (de um ano e três meses de idade a um ano e dez meses), Maternal 1 (dois anos de idade), Maternal 2 (três anos), Infantil 1 (quatro anos de idade) e Infantil 2 (cinco anos).

Já a unidade do Flauta Mágica vai atender as turmas de Nível 1 (quatro meses a nove meses de idade), Nível 2 (de dez meses a um ano e dois meses de idade), Nível 3 (de um ano e três meses de idade a um ano e dez meses), Maternal 1 (dois anos de idade) e Maternal 2 (três anos de idade).

(Foto: Mauro Abreu)