Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Pela 1ª vez no ano cresce inadimplência no comércio de Marília

Cidade
05 de junho de 2014

Pela primeira vez em 2014 o valor de dívida acumulada nos últimos cinco anos no comércio de Marília cresceu, segundo dados do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), da Associação Comercial e Industrial de Marília (Acim).

No mês de maio o valor acumulado chegou a R$ 14.132.944,86, uma elevação referente ao mês anterior na ordem de 0,71%. “Desde janeiro vínhamos observando queda no valor acumulado, porém, em maio houve o acréscimo”, disse Carlos Francisco Bitencourt Jorge, coordenador do SCPC da Acim. “Os porcentuais dos meses anteriores foram negativos, enquanto que de maio foi positiva”, comparou.

O ano de 2014 começou com inadimplência de R$ 14.411.891,53, sendo que em fevereiro houve uma queda de 0,94%. No mês de março o valor de RR 14.276.858,47 caiu para R$ 14.226.745,35, com queda de 0,35%. No mês de abril o valor de R$ 14.033.833,53 teve uma queda de 1,36%, a maior do ano, fazendo com que em maio houvesse a elevação de 0,71% atingindo os R$ 14.132.944,86.

“Provavelmente as vendas do Dia das Mães tenham influenciado neste sentido”, acredita o coordenador do SCPC da Acim que defende a queda da inadimplência como forma de melhor aproveitamento do comércio em geral. “Esse valor deixa de circular entre as lojas que poderiam investir no crescimento do estabelecimento, no estoque, na contratação de pessoal ou até mesmo na ampliação do próprio negócio com novas lojas”, lamenta Carlos Francisco Bitencourt Jorge. Seguem anexos, texto e foto sobre o assunto com mais detalhes.