Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Médico é preso por porte ilegal de armas em Marília

Polícia
21 de julho de 2014

O médico R.C.R.P. de 39 anos, foi preso em Marília por porte ilegal de arma de fogo. Segundo informações da polícia, ele foi denunciado pela própria esposa depois que ela flagrou o marido com outra mulher no quarto do casal na tarde de ontem (20). As duas filhas do casal também teriam presenciado a cena.

A polícia precisou ser chamada porque a esposa e a amante do médico começaram a brigar. Quando a PM chegou, a mulher informou que o marido possuía três armas de fogo em casa. As armas, dois revólveres calibre 38 e uma espingarda de chumbo, foram apreendidas e o homem detido. Ele foi liberado após pagamento de fiança.

Após ser colocado em liberdade, o médico passou um cadeado nos portões da residência em que morava com a esposa, não deixando a psicóloga de 35 anos entrar. Ele também teria danificado o interfone, porque a mulher insistia em tocar a campainha. Após o ‘barraco’, a mulher procurou a Delegacia da Mulher para garantir seus direitos.

O caso foi censurado pela Polícia Civil e nenhum dado foi fornecido.