Desde 2014, mais de 31000 artigos.
,/2018

Marília tem o oitavo diesel mais caro em todo o Estado

Cidade
12 de junho de 2018

Faixa durante greve dos caminhoneiros pede diesel mais barato (Foto: Arquivo)

Marília aparece na 8ª posição no ranking estadual do preço médio do diesel. Foram 109 cidades pesquisadas pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) entre os dias 3 e 9 deste mês.

Comparando o preço médio de maio com o que é cobrado atualmente, ainda não era perceptível a redução de R$ 0,46 por litro, prometida pelo Governo Federal para conseguir o fim da recente paralisação dos caminhoneiros.

A queda do preço médio cobrado na cidade, na comparação entre o primeiro levantamento de junho e a média do preço cobrado em maio foi de apenas R$ 0,02 centavos, ou 0,5%. O valor médio constatado foi de R$ 3,626. O mais barato, R$ 3,239 e o mais caro R$ 4,239. Diferença de R$ 1 por litro.

A pesquisa mais recente foi divulgada ontem (11), mas o Marília Notícia também tabulou o preço médio cobrado na cidade pelo litro do diesel mês a mês, desde que a Petrobrás mudou sua forma de cobrar pelos derivados do petróleo no ano passado.

Entre julho de 2017 e maio de 2018 o preço médio cobrado pelo litro do diesel em Marília subiu de R$ 2,90 para R$ 3,64. O crescimento foi constante e não caiu um mês sequer. Só entre abril e maio saltou de R$ 3,42 para os R$ 3,64, um aumento de 6%.

Por outro lado, é importante notar que ao mesmo tempo, desde julho do ano passado, o preço médio do litro do diesel cobrado nas distribuidoras que fornecem para Marília saiu de R$ 2,29 para R$ 3,15 – um aumento de 37%.

Assim, os números da ANP mostram que os donos de postos de Marília perderam sua margem de lucro no diesel desde que a Petrobras implantou as mudanças que estão gerando polêmicas.