Desde 2014, mais de 35000 artigos.
,/2019

Estudante de medicina é presa por tráfico drogas

Polícia
11 de maio de 2019

Drogas apreendidas na Operação Alquimista (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Adamantina (distante 140 quilômetros de Marília) prendeu em flagrante nesta sexta-feira (10) cinco estudantes de medicina por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Entre os detidos está a mariliense Mariana Daher, de 23 anos.

A jovem passaria por audiência de custódia em Tupã neste sábado (11) e, conforme a decisão do juiz, poderia ser encaminhada para uma unidade prisional feminina ou autorizada a responder em liberdade.

As prisões foram feitas na “Operação Alquimista”, com foco no combate ao tráfico de drogas sintéticas, desencadeada após dois meses de investigações da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) e da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) daquela cidade.

“Apurou-se que durante algumas festas de universitários e outras abertas ao público em geral, eram comercializadas drogas sintéticas trazidas por alguns estudantes de medicina que abasteciam os usuários”, diz nota oficial da Polícia Civil.

Durante as diligências foram levantadas informações de que a chamada “Festa do Blvck” seria regada a drogas.

Representantes do evento afirmaram que “nada tem a ver com isso” e que combatem a entrada e uso de qualquer substância ilícita.

Os policiais identificaram suspeitos que trariam comprimidos de ecstasy para distribuição e, na tarde desta sexta-feira, desencadearam buscas domiciliares que resultaram em nove estudantes detidos.

“Quatro foram presos em flagrante pela prática de tráfico de drogas e associação para o tráfico, sendo dois homens e duas mulheres, em poder dos quais encontrou-se drogas sintéticas como LSD, ecstasy, MD e maconha”, afirma a Polícia Civil.

Em duas residências foram encontradas estufas para plantio de maconha. Outro estudante acabou preso por tráfico por estar em posse de maconha, mas ele não teria ligação com o grupo atualmente.

Outros quatro estudantes terminaram liberados depois de serem autuados pelo porte de drogas para consumo próprio.

No total foram apreendidas 370 gramas de maconha, uma pequena porção de haxixe, uma porção com cristais de MD, dois quadriculados de LSD, 62 comprimidos de ecstasy, além de outros objetos próprios para o tráfico e consumo de drogas e um veículo utilizado para o transporte dos entorpecentes.

Estufa em uma das residências (Foto: Divulgação)

Material apreendido (Foto: Divulgação)