Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Desembargador propõe suspensão da greve na Famema

Cidade
16 de julho de 2014
10521375_539142709541936_3574858914697953573_n

Passeata de protesto realizada ontem pelos funcionários da Famema

O  Vice-Presidente do Tribunal Regional do Trabalho de Campinas (TRT 15ª Região), Desembargador Henrique Damiano, propôs a suspensão da greve pelo Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Complexo Famema por 30 dias.

A audiência para tentativa de conciliação entre as Fundações que integram o Complexo Famema, FUMES (Fundação Municipal de Ensino Superior de Marília) e FAMAR (Fundação de Apoio à Faculdade de Medicina de Marília) e o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde, na tarde de hoje no TRT, não chegou a acordo entre as partes.

Sensibilizado pela constatação de que a Direção do Complexo Famema não tem governabilidade na concessão de reajuste salarial aos funcionários da Instituição, o Desembargador Henrique Damiano, fez a proposta pela suspensão da greve, proporcionando tempo para que o Governo do Estado defina o índice de reajuste salarial aos funcionários do Complexo Famema.

Representantes do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde, presentes na audiência em Campinas, disseram que não poderiam tomar a decisão no momento, solicitando levar a proposta para definição em assembleia com os funcionários que aderiram à paralisação.

Ficou decidido na audiência em Campinas que o resultado da decisão em assembleia do sindicato com os funcionários paralisados seja comunicado ao TRT nesta quinta-feira, dia 17 de julho.