Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Bombeiros buscam mulher arrastada por enxurrada

Polícia
27 de setembro de 2014
ricardo_freitas

Foto: Ricardo Freitas

Os bombeiros retomaram na manhã deste sábado (27) as buscas pela dona de casa Cleonice Silva Santos Ferreira, 45 anos, que foi arrastada pela enxurrada, que invadiu a casa onde ela morava com marido e os filhos, após uma tempestade que atingiu Ourinhos (96 quilômetros de Marília) na noite de quinta-feira (25).

No momento da chuva, ela estava em casa com o marido, Carlos Lino Ferreira e dois dos três filhos do casal, um menino de 6 anos e uma adolescente, de 16. Carlos conseguiu salvar os filhos, mas a mulher foi levada pela enxurrada. A outra filha, de 17 anos, estava na escola no momento da tempestade.

As buscas foram retomadas hoje logo que o dia amanheceu, cinco homens se dividem e percorrem às margens do córrego. A lama em meio à mata fechada dificulta o acesso do corpo de bombeiros. Em alguns pontos do córrego eles contam com a ajuda de voluntários. “Nossa atenção é chegar até o Rio Paranapanema, fazendo uma busca bem minuciosa por todo o córrego”, explica o sargento Gilmar Lopes da Silva, do Corpo de Bombeiros.

Nas buscas para encontrar a vítima, uma parede da parte de trás da casa com a força da água desceu morro abaixo. Segundo o Corpo de Bombeiros, ela foi encontrada inteira a mais de 1 km do local onde a casa ficava. Por todo o caminho das buscas, foram encontradas roupas, utensílios da casa e até a bicicleta do filho da dona de casa, que estava em um ponto a 4 km da casa.

Na sexta-feira (26), uma foto de Cleonice foi encontrada a 500 metros da casa. “Os bombeiros desceram no canal e, na contramão, encontramos uma foto dela a 500 metros de distância da casa, mas nem sinal do corpo”, afirmou o agente da Defesa Civil, Alechandre Ribeiro.

Fonte: G1