Desde 2014, mais de 35000 artigos.
,/2019

Mulher é presa acusada de tentar matar ex-marido na zona Norte

Polícia
14 de março de 2019

Faca utilizada no crime registrado na favela da Vila Barros (Foto: Divulgação)

A desempregada Ingrid Daiane Anastácio Barboza, de 22 anos, foi presa em flagrante acusada de tentar matar o ex-companheiro Alfredo Aparecido da Silva, 28, na noite desta quarta-feira (13) na favela da Vila Barros, zona Norte de Marília.

Segundo o Boletim de Ocorrência, os policiais militares foram acionados para atendimento de uma ocorrência de agressão a faca na rua Salvador Salgueiro por volta das 21h36.

O servente já estava recebendo atendimento médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) quando a equipe da polícia chegou ao endereço. Ele alegou que sua ex-companheira desferiu um golpe de faca na lateral direita de seu peito.

Silva foi encaminhado com urgência para o Hospital das Clínicas de Marília, onde foi submetido a um procedimento cirúrgico e permanece em estado grave de saúde.

O casal já era conhecido no meio policial. Uma equipa da PM foi até a residência de Ingrid, também na rua Salvador Salgueiro. A indiciada alegou que Silva foi até sua casa buscar o filho e eles acabaram se desentendendo.

Ela afirmou que o homem a agrediu com dois socos na cabeça e em seguida, após uma nova briga, a desempregada desferiu o golpe de faca contra o servente. Enquanto a indiciada narrava o episódio, ela retirou da cintura a faca utilizada no crime.

Ingrid recebeu voz de prisão e foi conduzida até a Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Marília, onde o delegado de plantão ratificou sua prisão. Após audiência de custódia, ela seria recolhida à Penitenciária de Pirajuí.