Desde 2014, mais de 29000 artigos.
,/2018

Homem é preso por manter mulher e filhos em cárcere privado

Polícia
12 de setembro de 2018

Acusado de violência contra família foi preso em flagrante por policiais civis. (Foto: Divulgação)

Policiais Civis da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Marília libertaram na noite desta terça-feira (11) uma mulher de 18 anos e dois filhos, com dois anos e um ano, que eram mantidos em cárcere privado e em situação de maus tratos por V.J.S.B., 25, no bairro Vila Hípica, zona Sul de Marília. Somente as iniciais do autor foram divulgadas.

Conforme a Polícia Civil, as vítimas estavam trancadas dentro da residência, a qual estava acorrentada pelo lado de fora, com cadeado. O interior da casa estava em péssimo estado de organização e higiene, exalando fétidos odores, não parecendo salubre.

A médica legista foi acionada e constatou lesões corporais em ambas as crianças, sendo que a vítima revelou para os policiais que as crianças e mesmo ela seriam agredidos continuamente pelo indiciado.

Ainda segundo a polícia, o homem impedia a mulher de arrumar a casa, cuidar de sua higiene pessoal, ir ao médico ou levar as crianças a consultas, sob pena de agressões. Em depoimento, a vítima informou à polícia que o indiciado a tirou de casa quando ela tinha dez anos.

As vítimas foram atendidas pela enfermeira e psicóloga da Delegacia de Polícia e encaminhadas para um local seguro. Os nomes não foram divulgados para proteção dos menores envolvidos.

O indiciado foi preso em flagrante e será apresentado em audiência de custódia. A Polícia Civil também abriu uma investigação sobre o crime de estupro de vulnerável. As penas somadas chegam a seis anos de prisão.

Berço onde as crianças, também vítimas de violência, costumavam passar os dias. (Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)