Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Marília tem nove casos e uma morte por meningite em 2022

Cidade
04 de maio de 2022

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde de Marília registrou nove casos de meningite nos quatro primeiros meses do ano, três deles ocorridos apenas nos últimos 15 dias. Um dos pacientes contaminados foi a óbito.

A meningite pode ser causada por bactérias, vírus, parasitas ou fungos. A forma mais grave, bacteriana, pode causar epidemias de rápida propagação e matar uma em cada dez pessoas infectadas – principalmente crianças e jovens.

Quando não mata, a doença deixa uma em cinco com incapacidades de longa duração, como convulsões, perda de audição e visão, danos neurológicos e deficiência cognitiva.

Na cidade, a meningite foi detectada em seis regiões: Jardim Califórnia, Alto do Cafezal, Montolar, Alcides Matiuzzi, Maracá 1 e Vila Romana.

A Vigilância Epidemiológica orienta a população para os cuidados essenciais na prevenção. Entre as principais medidas, estão manter a vacinação em dia, evitar locais com aglomeração de pessoas, deixar os ambientes ventilados, não compartilhar objetos de uso pessoal, além de reforçar os hábitos de higiene.

A meningite é um processo inflamatório das membranas protetoras que envolvem o cérebro e a medula espinhal (meninges). A do tipo viral – mais comum – apresenta quadro clínico leve e de menor gravidade, evoluindo de forma benigna, na maior parte das vezes.

Já bacteriana, por outro lado, apesar de se apresentar em menor número, é o tipo mais severo pelo potencial de provocar sequelas graves e, até mesmo, levar à morte em poucas horas, se não tratada em tempo.

PREVENÇÃO

A vacinação é um importante aliado na prevenção. A rede pública de saúde oferece vacina contra as formas mais graves em todas as unidades de saúde.

SINTOMAS

Os sintomas incluem febre de início repentino, associada à dor de cabeça, dor ou rigidez de nuca, vômitos frequentes e confusão mental. Em crianças pequenas, esses sintomas podem apresentar-se como choro persistente, irritação, falta de apetite, manchas vermelhas na pele e “moleira inchada”.

Em caso de sintomas, a recomendação é que um médico deve ser procurado imediatamente.