Desde 2014, mais de 50000 artigos.
,/2020

Levir descarta estreia de Nilmar e evita confirmar escalação

Esportes
18 de agosto de 2017

(Foto: Reprodução/Santos FC)

A estreia de Nilmar pelo Santos está próxima, mas ainda não vai acontecer no fim de semana. Nesta sexta-feira, o técnico Levir Culpi descartou utilizar o atacante na partida do próximo domingo, no Couto Pereira, contra o Coritiba, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Ainda não. Está bem próximo. Não podemos queimar o filme dele, é um jogador experiente, mas que tem evoluído bem. É importante que participe de coletivos para nos dar mais segurança. Não vamos pular etapas”, justificou o treinador santista.

Nilmar não disputa uma partida oficial desde maio de 2016, quando estava no Al-Nasr, dos Emirados Árabes Unidos. Assim, por causa da longa inatividade e também pelo seu histórico de lesões, a comissão técnica do Santos adotou cuidados especiais no processo para condicionar fisicamente o atacante. Agora, porém, Nilmar já treina normalmente ao lado dos seus companheiros e logo deve ser aproveitado por Levir.

Quem também ainda não está liberado para estrear pelo Santos é o volante Matheus Jesus, que chegou ao clube no fim de julho. E Levir indicou que o jogador vai demorar bem mais do que o atacante para ser aproveitado.

“Ele foi cara de pau. Disse que está pronto para jogar? Ele está treinando há 30 dias e cansa nos treinos. Imagina se está pronto para jogar? Todo mundo quer jogar e ele está chegando em um estágio melhor”, disse. “Ele tem característica de jogador técnico, um porte ótimo. Vamos ver o que vai acontecer”, acrescentou Levir.

O treinador evitou confirmar a escalação do Santos para o duelo com o Coritiba, mas já é certo que o time terá os retornos de David Braz, Copete e Bruno Henrique, poupados na partida contra o Fluminense. A dúvida envolve o aproveitamento do volante Renato, ainda em recuperação de dores musculares.

Como Levir fechou o treinamento desta sexta, o Santos deve entrar em campo com a seguinte formação contra o Coritiba: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Léo Cittadini (Renato) e Lucas Lima; Copete, Ricardo Oliveira e Bruno Henrique.

“Ninguém quer passar a escalação. O Marcelo (Oliveira, técnico do Coritiba) também não vai falar. Ninguém gosta de falar sobre a formação. Esse é um trabalho para vocês descobrirem e o Marcelo também, mas não vai ter muita surpresa. A não ser que eu surpreenda”, comentou.