Desde 2014, mais de 62000 artigos.
,/2021

Justiça Eleitoral nega registro de candidatura do PCO

Cidade
26 de outubro de 2020

Professora Lilian Miranda teve candidatura negada (Foto: Divulgação)

O juiz da 40ª Zona Eleitoral (ZE) de Marília indeferiu o registro da candidatura da professora Lilian Miranda, do Partido da Causa Operária (PCO), para a Prefeitura de Marília. A sentença foi assinada no sábado (24) e disponibilizada no domingo (25).

Primeiramente o magistrado negou o registro do Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários (DRAP) apresentado pela legenda de Lilian.

A documentação apresentada não estava acompanhada da “certidão de regularidade do partido, conforme determina a legislação vigente”, segundo o juiz. A rejeição do DRAP levou ao indeferimento da candidatura de Lilian.

Consulta do Marília Notícia ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostra que o diretório do PCO em Marília está suspenso por não informar o número do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) dentro do prazo.