Desde 2014, mais de 31000 artigos.
,/2019

Jovem da família Alonso é encontrado morto no Parque das Azaleias

Polícia
12 de janeiro de 2019

Dirceu Alonso Neto foi encontrado morto neste sábado (Foto: Arquivo Pessoal)

O jovem Dirceu Alonso Neto, de 21 anos, foi encontrado morto no final da tarde deste sábado (12) em um despenhadeiro nas proximidades do bairro Parque das Azaleias, na zona Sul de Marília.

Na declaração de óbito consta que o jovem sofreu agressão física e traumatismo craniano. A Polícia Civil investiga o caso. Um inquérito de morte suspeita foi aberto e uma das hipóteses é a de homicídio.

Por volta das 20h equipes do Corpo de Bombeiros ainda trabalhavam na retirada do corpo que já estava em avançado estado de decomposição. O local é de difícil acesso.

Em nota divulgada às 21h10, os bombeiros informaram que “os trabalhos para retirada do corpo foram abortados temporariamente, pois é um local de difícil acesso, a visibilidade está prejudicada, há previsão de chuva e o local é típico a formação de trombas d’água, trazendo risco para as guarnições”.

Segundo a corporação, as equipes retornaram aos trabalhos na manhã deste domingo (13). Os bombeiros conseguiram retirar o corpo por volta das 16h com apoio do Helicóptero Águia da Polícia Militar. A altura do Itambé é de aproximadamente 50 metros.

Devido ao estado de decomposição do corpo de Dirceu Alonso não haverá velório, somente o sepultamento nesta segunda-feira (14), ainda sem horário definido. A vítima era sobrinho do prefeito Daniel Alonso e irmão do jornalista Rafael Alonso, ligado a TV Sol.

Desaparecimento

A ocorrência de desaparecimento de Dirceu Alonso foi registrada no último sábado (12) na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Marília.

A mãe da vítima, uma auxiliar de cozinha de 46 anos, comunicou à polícia que o filho saiu de casa no dia 8 de janeiro, às 23h, dizendo que iria dar uma volta e não retornou.

Os familiares procuraram Dirceu Alonso em diversos lugares, mas não conseguiram localizá-lo. A mãe também revelou que a vítima era usuário de entorpecentes e não tinha celular.

Ela foi informada por uma pessoa que não quis se identificar que Dirceu Alonso foi visto na noite do dia 10 nas proximidades de uma favela no bairro Parque das Azaléias.

Bombeiros trabalham para remover corpo (Foto: Divulgação)

Bombeiros trabalham para remover corpo (Foto: Divulgação)