Desde 2014, mais de 41000 artigos.
,/2019

Dengue faz segunda vítima fatal na mesma família

Cidade
28 de fevereiro de 2015

armando_1425151185Mais uma pessoa morreu com dengue em Marília na tarde deste sábado (28). Armando da Silva, de 81 anos, faleceu no Hospital Universitário e será velado no Parque das Orquídeas.

O militar reformado estava internado desde a última quarta-feira (25) na UTI do hospital e ontem (27) seu estado de saúde se agravou.

Uma trágica coincidência marca a décima segunda morte pela doença em Marília: Armando era sogro de Maurício Luiz da Silva, que há poucos dias perdeu seu irmão, o metalúrgico Marcelo José da Silva, 45, que faleceu no Hospital das Clínicas também vítima da doença.

A reportagem entrou em contato com a família, que confirmou que a vítima estava com dengue: “Ele teve os primeiros sintomas justamente no velório do Marcelo. Fomos no Prontomed mas dia a dia ele piorava, até que teve que internar diretamente na UTI”, disse Maurício Luiz, genro da vítima.

“Queridos amigos e irmãos, é com muita tristeza que comunico a todos que a dengue fez outra vítima na família. Faleceu agora meu sogro Armando da Silva. Mais informações posto depois, orem por nós. Deus o abençoe”, postou Maurício em seu perfil no Facebook. Ainda segundo familiares, Armando não tinha problemas de saúde apesar da idade avançada.

Contabilizando os casos da Santa Casa, do HC e Hospital Universitário, são 12 óbitos de pacientes com dengue confirmados em Marília. Esse número pode ser ainda maior, já que a Prefeitura segura os dados oficiais: “Estamos esperando os laudos técnicos para confirmar as outras mortes, não vamos nos precipitar”, disse o prefeito Vinicius Camarinha ao ser questionado sobre o desencontro dos números.

O corpo de Armando da Silva será enterrado amanhã (1) no cemitério Parque das Orquídeas às 17h30.