Desde 2014, mais de 71000 artigos.
,/2022

Bauru registra chikungunya pela 1ª vez desde 2019

Regional
07 de maio de 2022

A Secretaria Municipal da Saúde de Bauru (distante 110 quilômetros de Marília) confirmou dois casos autóctones de chikungunya nesta sexta-feira (6). São os primeiros desde 2019.

Em anos anteriores, a cidade tinha registrado apenas quatro casos autóctones. O primeiro em 2018 e outros três em 2019.

Não houve a divulgação de dados ou região dos novos infectados. Segundo a Prefeitura, em caso de suspeita de chikungunya, o cidadão deve procurar qualquer unidade de saúde do município.

O tratamento é feito com a administração de analgésicos e antitérmicos, além de hidratação constante.

A chikungunya é uma doença infecciosa febril, causada por vírus que pode ser transmitido pelos Aedes aegypti e Aedes albopictus (mesmos mosquitos que transmitem a dengue e a febre amarela, respectivamente).