Desde 2014, mais de 39000 artigos.
,/2019

Prefeitura vai pagar R$ 1,1 milhão por app de serviços para população

Cidade
16 de setembro de 2019

A Prefeitura de Marília vai pagar R$ 1,1 milhão para a empresa Softpark Informática Ltda desenvolver um aplicativo de celular e um site em que a população poderá solicitar diretamente ao poder público uma série de serviços.

No âmbito da conservação e manutenção o mariliense vai poder pedir o corte de mato em área pública ou de lazer, poda de árvore, coleta de lixo, limpeza de bocas de lobo, tapa-buraco, retirada de entulho, recolhimento de móveis, entre outras atividades.

Solicitações de construções como de escadarias, galerias, muros de arrimo, rebaixamento de guias e o recapeamento de vias também estão previstas entre as funcionalidades.

Ações de fiscalizações poderão ser requisitadas em casos de invasão de área pública, caçamba em local irregular, fogo e fumaça, obras, poluição sonora e visual e entulho em terrenos particulares.

Processos como a aprovação de projetos de novas edificações, requerimento de alvarás diversos, certidões de uso de solo e zoneamento, realização de eventos, pedido de energia para zona rural e usucapião migrarão para as novas plataformas.

Os moradores de Marília poderão anexar inclusive fotos com suas denúncias e pedidos de serviços públicos, além de acompanhar o andamento de suas demandas.

O prazo para desenvolvimento do aplicativo e do site é de 90 dias após a assinatura do contrato, que aconteceu no último dia 13 de setembro.

A empresa também deve providenciar a cessão temporária de direito de uso da licença, atualização, implantação, manutenção, suporte técnico, treinamento para o corpo técnico da Prefeitura e serviços de suporte local.

Inicialmente o preço previsto no edital era de R$ 1,6 milhão. A economia de aproximadamente R$ 500 mil foi resultado do pregão presencial.