Desde 2014, mais de 29000 artigos.
,/2018

Marilienses “ilhados” por pedágio pressionam vereadores

Cidade
07 de agosto de 2018

Vereadores assinaram “termo” de compromisso com liberação de estrada (Foto: Divulgação)

Cerca de 50 marilienses que ficarão “ilhados” pelo pedágio prestes a entrar em funcionamento na rodovia na SP-333, em Marília, participaram da primeira sessão de retorno da Câmara Municipal após o recesso parlamentar.

Eles estiveram ali com o objetivo de cobrar promessa de reabertura da estrada rural MAR-114, fechada recentemente após aprovação de projeto de lei do prefeito Daniel Alonso (PSDB), para evitar que a praça de pedágio fosse “cortada” por esta via.

Durante a sessão desta segunda-feira (6) foi nomeada uma comissão de vereadores para conversar com os manifestantes. Marcos Rezende (PSD), Cícero (PV) e Evandro Galete (PP) assinaram um compromisso de revogar a lei que fechou a estrada rural.

Nos últimos dias o presidente da Câmara de Marília vereador Wilson Damasceno (PSDB) afirmou em nota pública que aguarda um projeto de lei do prefeito Daniel Alonso para atender ao pedido dos moradores dos bairros rurais Vila Bela, Fazenda do Estado e outros que serão prejudicados.

Damasceno, Rezende e o secretário municipal de Administração, Ricardo Mustafá, representando a Prefeitura, já haviam prometido aos moradores isolados pelo pedágio a liberação da estrada rural em uma reunião em 14 de julho.

Uma alternativa seria a isenção aos marilienses prejudicados, mas tudo indica que o pedido deva ser negado pela Artesp (Agência Reguladora), que diz ter enviado seu parecer ao Legislativo. O documento deve chegar nos “próximos dias”.

A Artesp disse nos últimos dias que ainda não está definida a data de entrada em operação do pedágio nem confirmou os valores que serão praticados.

(Foto: Divulgação)

Entrevias

Em julho a Concessionária Entrevias, responsável pela SP-333, afirmou “o fechamento do acesso da estrada municipal MAR 114 foi autorizado pela Prefeitura de Marília e tem o objetivo de proporcionar segurança aos moradores da região”.

“A Concessionária fará em breve melhorias nesse trecho da estrada [rural], como execução de revestimento primário, melhoria na drenagem e implantação de iluminação pública”, disse a nota.

Administração

A reportagem do Marília Notícia questionou o governo Daniel Alonso sobre o tema. Foi perguntado, por exemplo, se o Executivo enviará um projeto de lei revogando o fechamento da estrada rural MAR-114 e quando isso acontecerá.

Não houve resposta até o fechamento desta reportagem.

(Foto: Divulgação)