Desde 2014, mais de 57000 artigos.
,/2021

Marília tem aumento de 100% em homicídios, diz SSP

Polícia
26 de fevereiro de 2021

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo divulgou nesta quinta-feira (25) os dados das ocorrências registradas em Marília no primeiro mês de 2021.

No mês passado a região Sul registrou os dois primeiros homicídios do ano. O número total de casos na cidade é maior do que janeiro de 2020 quando apenas um assassinato foi contabilizado.

Comparando com o primeiro mês do ano passado, nota-se ainda que houve aumento nos furtos de veículos. Este ano a cidade registrou 15 ocorrências desse tipo, contra 10 no mesmo mês no ano passado – aumento de 50%.

Todos os outros índices criminais caíram em relação ao mesmo período de 2020. Cabe ressaltar que este ano, continuamos com restrições devido à pandemia, o que não ocorria no início do ano passado.

Em 2021 foram registrados 74 lesões corporais dolosas, sete estupros, 12 roubos e 188 furtos em geral. Já em 2020 houve a ocorrência de 77 lesões corporais dolosas, oito estupros, 23 roubos e 207 furtos em geral.

Nenhuma tentativa de homicídio foi contabilizada em janeiro deste ano. No ano anterior, em janeiro, foram duas.

Zona Norte

A zona Norte não registra homicídios e nem tentativas de assassinatos. A região tem a maior incidência de furtos em geral com 53 casos, ou seja, 28,2%.

Quanto aos estupros a região teve apenas uma ocorrência – 14,3%. Além disso, 20,27% das lesões corporais dolosas foram na zona Norte, portanto, 15 ocorrências.

Os furtos em veículos foram quatro, o que corresponde a 26,7% do total. Os roubos são 25%, com três registros.

Zona Sul

A zona Sul registrou os dois assassinatos contabilizados em janeiro. A área tem 29,7% das lesões corporais – 22 registros.

Dois estupros ocorreram nesta região – 28,6%. A área teve ainda dois roubos, três furtos a veículos e 50 furtos em geral.

Zona Oeste

A zona Oeste não tem registro de homicídio nem de tentativas de assassinatos. A região contabiliza a maioria das lesões corporais dolosas, são 23 casos – o que representa 31% do total.

A área também possui dois estupros. Houve ainda dois roubos, quatro furtos a veículos e 38 furtos em geral.

Centro

A área central de Marília não contabilizou homicídio ou tentativas de assassinato. A região soma um estupro, 20 furtos, dois roubos, seis lesões corporais dolosas e três veículos furtados.

Zona Leste

A zona Leste registrou um estupro, três roubos, 27 furtos, oito lesões corporais dolosas e um veículo furtado.