Desde 2014, mais de 62000 artigos.
,/2021

Dise flagra quatro pessoas envolvidas com tráfico

Polícia
23 de setembro de 2021

Drogas apreendidas durante a operação (Foto: Divulgação)

A Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de Marília prendeu três maiores e apreendeu um adolescente durante operação nesta quarta-feira (22).

Segundo o delegado titular da especializada, João Carlos Domingues, após intenso trabalho de investigação, que teve início em julho,  foi apurado que um dos acusados, de 34 anos, morador do bairro Alto Cafezal, fornecia entorpecentes para uma quadrilha de traficantes de Ocauçu (distante 41 quilômetros de Marília).

O comprador seria um rapaz, de 23 anos – morador do município vizinho -, o qual tinha sob seu comando outras pessoas que trabalhavam como vendedores.

A Dise solicitou busca e apreensão à Justiça para o cumprimento em cinco endereços de Marília e Ocauçu.

Ontem, durante as diligências na residência do indiciado como comprador, de 23 anos, foram encontradas duas porções de maconha, uma mini balança de precisão, seis pinos com cocaína, um celular e R$ 230.

Em outra residência, de um homem de 25 anos – tido como um dos vendedores em Ocauçu, foi encontrada uma bolsa preta contendo um saco plástico com inúmeros pinos vazios, um celular, R$ 170, 13 saquinhos plásticos com 643 pinos com cocaína e 18 saquinhos com 300 pinos com crack. Material apreendido estava sob um berço de criança, em um dos quartos do imóvel.

Na casa de um adolescente de 15 anos, que também trabalhava na venda de entorpecentes em Ocauçu, os agentes acharam um celular, R$ 54, 13 pinos com crack, um pino com cocaína e uma pedra de crack.

Nas residências de outros dois investigados, também daquela localidade, nada de ilícito foi localizado.

Na casa do fornecedor de Marília, os policiais apreenderam uma arma de fogo tipo espingarda, calibre 12, municiada com cinco cartuchos intactos e outros dois que estavam em outro local.

Também foram apreendidos dois sacos com inúmeros pinos vazios, R$ 778 e um celular.

Todos foram conduzidos até a Central de Polícia Judiciária (CPJ) em Marília. Os maiores permaneceram à disposição da Justiça e o menor da Vara da Infância e Juventude. O morador de Marília, além do tráfico, vai responder pela posse da arma.

Arma foi localizada na casa do morador de Marília (Foto: Divulgação)