Desde 2014, mais de 29000 artigos.
,/2018

Dentista acusado de estupro é preso em hospital de Marília

Polícia
05 de junho de 2018

Um dentista de 42 anos, natural de Adamantina, foi preso nesta terça-feira (5) em Marília, acusado de ter cometido um estupro na cidade natal.

O homem é suspeito de estuprar uma adolescente na madrugada do dia 18 de maio. A investigação é feita pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Adamantina (distante 165 quilômetros de Marília).

De acordo com a Polícia Civil, a vítima teria reconhecido o homem, que é de uma família de classe alta em Adamantina. Os detalhes do suposto crime não foram divulgados.

O dentista era considerado foragido na Justiça e acabou sendo localizado no Hospital Espírita de Marília (HEM), onde se internou por conta própria. O HEM trata pessoas com problemas mentais e viciados químicos.

A prisão temporária vale por cinco dias, período em que o acusado será ouvido pela polícia. A medida pode ser ampliada para prisão preventiva. O dentista já foi levado para Adamantina.